A variação glicêmica pode ser sazonal?

A questão foi lançada ontem, 21/09, no Diabetes Daily pela Elizabeth Edelman, diabética tipo 1 desde 2005.

Ela escreveu sobre como estava tendo problemas em encontrar explicações para algumas glicemias muito altas. Nesse post ela conta o caso de ter muita dificuldade de manter sua glicemia abaixo de 200 mg/dl! Como a dieta continuava sendo a mesma, e ela não notou nenhuma mudança no seu dia a dia, não conseguia reconhecer a causa. Pensou que poderia ser um resfriado chegando, e nada!

Conversando com alguns amigos e parentes diabéticos, Elizabeth notou que não era a única a enfrentar esse tipo de problema. E lançou a pergunta: Vocês, que também são diabéticos, tanto faz se tipo 1 ou tipo 2, percebem alguma variação glicemica de acordo com as estações do ano? Percebem variações sazonais nas suas glicemias?

Para essa pergunta ainda não temos resposta. Nós, do Glicemias Online, não somos médicos, a Elizabeth também não, por isso não podemos responder essa questão. No post dela, ela relata que não encontrou nenhum estudo científico que comprove que as glicemias sofrem variações influenciadas pelas estações do ano. As buscas que ela fez no google não trouxeram respostas.

Queremos deixar essa pergunta aqui para você: Você percebe um aumento (ou mesmo queda) em sua taxa de açúcar no sangue devido a mudança de estação?

4 comentários para “A variação glicêmica pode ser sazonal?”

  1. Nathália 23 September 2010 at 15:03 #

    Eu percebi!
    Sou diabética há pouco mais de 8 anos e meio e usuária de bomba há pouco mais de 9 meses.
    Eu notei isso há pouco tempo, durante um mês (metade de julho e metade de agosto)! Foi uma época que tivemos um frio mais rigoroso aqui no Paraná.
    Tinha dias que era impossível manter as glicemias abaixo de 150, mesmo com o uso da bomba de insulina.
    Falei com minha endócrino e ela disse que isso era improvável, mas ao meu ver não!

    E é isso.
    Abraços,
    Nathália

  2. Marilene 1 October 2010 at 00:24 #

    Sou gaúcha e diabética há 27 anos, do Tipo 1 – Insulino Dependente.
    Desde o início usei as tiras de teste para medir a glicemia, e sempre percebi que ao cair a temperatura bruscamente (tipo de 35° para 18°), fenômeno que não é frequente, mas algumas vezes ocorre nos verões do Rio Grande do Sul, a gicemia despencava junto e causava hipoglicemia.
    Então, pela minha experiência pessoal, acho que não são as estações que causam dificuldade para controlar as glicemias, mas as mudanças bruscas de temperatura (tanto para mais quanto para menos), também em virtude da pouca ingestão de água. E, pelo fato de no verão, principalmente, suarmos mais, o receio da hipoglicemia (às vezes confundido com esse suor) faz com que se aumente a ingestão de carboidrato, ocasionando hiperglicemias. O controle do diabetes depende de multi fatores (clima, administração do tempo, temperatura, stress, infecções, febre, emoções, alimentação, prática de esporte, e comprometimento nos cuidados consigo mesmo).

  3. Reginaldo Cordeiro 29 October 2010 at 16:42 #

    Nunca notei quanto ao tempo, mas notei no que se refere ao local de aplicação. Quando aplico a insulina na barriga, costuma ter hiper. Alguém percebeu isso?

    Grato,

    Reginaldo Cordeiro.

  4. Nádia 29 October 2010 at 16:49 #

    Reginaldo,

    O meu marido é diabético tipo 1, e nós temos percebido muita diferença quanto ao local de aplicação. A melhor absorção acontece quando ele aplica a insulina no braço. Na perna e na barriga já não fazem tanto efeito, a absorção é muito menor.