7 dicas para quem acabou de descobrir que está diabético tipo 1

diabetes control
Intro: Existem dois tipos de diabetes, o tipo 1 e o tipo 2. As causas e o impacto na vida do paciente são diferentes em cada um dos tipos. O tratamento também é diferente na maioria dos casos. Em breve falaremos mais sobre esses assuntos também.

O mais importante é ter consciência de que a vida não acabou e não será ruim daqui para frente. Diabetes é uma doença séria e deve ser tratada como tal, mas no fundo, sua vida não será muito diferente, mas com certeza será mais saudável.

1 – Ter diabetes não te impedirá de conquistar seus objetivos.

Pessoas com diabetes tipo 1 já escalaram o monte Everest, completaram corridas IronMan, e participam em esportes de alto nível. No Brasil o ex-jogador de futebol Washington é diabético desde o 21 anos, as cantoras Paula Toller e Ana Carolina são diabéticas, o cantor Sérgio Reis é diabético e o rei do rock Elvis Presley também era. Muitos outros esportistas de elite e pessoas de sucesso também são diabéticas e isso não as impede de seguir a diante.

2 – Trate suas medições de glicemia como informações importantes e cada dia como um experimento.

Uma glicemia de 210 mg/dL ou 45 mg/dL nunca deve ser considerada como um reflexo da qualidade do seu tratamento. Pense nas medições de glicemia como uma bússola que o ajudará a controlar a doença. Muitos estudos mostram que fazer mais medições de glicemia está diretamente associado a um melhor controle do diabetes. Meça várias vezes ao dia, anote as medições no Glicemias Online e acompanhe os gráficos e estatísticas, eles te ajudaram a entender melhor a doença e a melhorar seu tratamento.

3 – Exercícios são a melhor forma melhorar seu controle!

Encontre formas de se exercitar que te agradem, seja individualmente ou em grupo. Lembre-se que pessoas com diabetes tem maior risco a doenças cardíacas e a depressão, e a prática de exercícios físicos pode ajuda-lo a evitar esses males. Atividades físicas também ajudam diretamente no controle do diabetes, mesmo algo simples como 5 minutos de caminhada podem ajudar a baixar a glicemia.

4 – Não pare de aprender…

Quanto mais você estudar e aprender sobre diabetes, você pereberá que ainda existe muito mais a aprender. Existem vários livros que te ajudaram a aprender sobre diabetes, e além dos livros, a internet está repleta de sites e blogs de medicos e diabéticos que compartilham seu conhecimento gratuitamente. Aproveite a facilidade da internet e compartilhe também suas descobertas, assim, outros diabéticos também poderão aprender através delas.

5 – Lembre-se, muitas coisas podem afetar suas glicemias!

Muitas outras coisas além de alimentação, insulina e atividades físicas alteram sua glicemia. Por exemplo, muito stress, noites mal dormidas, consumo excessivo de álcool e até mesmo um simples resfriado, podem alterar, de forma negativa, a sua glicemia.

6 – Controlar o diabetes é difícil e chato, mas você merece o sacrifício.

Estudos mostram que pessoas com diabetes bem controlado vivem mais que aqueles que não controlam corretamente a doença. Um diabetes bem controlado é a responsável por nada, mas um diabetes mal controlado pode trazer diversos problemas ao paciente.

7 – Procure ajuda!

É muito mais difícil manter um bom controle se as pessoas ao seu redor não fizerem parte dele. Divida suas frustrações e conquistas com seus amigos e familiares, ensine-os a conviver e a ajuda-lo a controlar o diabetes. No final você terá mais saúde para dividir os bons momentos com eles.

E você, quais são as suas dicas para quem acabou de ser diagnosticado? Compartilhe aqui nos comentários do blog.

Um comentário para “7 dicas para quem acabou de descobrir que está diabético tipo 1”

  1. […] passada deixamos 7 dicas para quem acabou de descobrir que está diabético tipo 1. Agora o foco são os diabéticos tipo […]